Plenário da Câmara vira palco de abertura oficial da Semana da Pessoa com Deficiência

 

Na tarde desta terça-feira, 24, o presidente da Câmara de Vereadores, Orlando de Amadeu (PSDB), juntamente com os vereadores Arnoldo Simões (PRB), Del (SD), Genivaldo Lima (DEM), Jailson ‘Jajai’ (PP), o líder do governo na Câmara, Manoel Almeida ‘Neco’ (PSD), Manoel Carteiro (PSB) e Luciano Almeida (MDB) prestigiaram a abertura oficial da Semana Nacional da Pessoa com Deficiência (PCD), comemorada em alusão ao dia 21 de setembro, que ocorreu no Legislativo Municipal onde os participantes se concentraram e lotaram o plenário que serviu de espaço para apresentações culturais e debates sobre temas ligados à acessibilidade e inclusão.

Também estiveram presentes o prefeito Diógenes Tolentino, o vice-prefeito Sid Serra, o secretário de Educação, Reginaldo Paiva, além da presença de representantes de diversos segmentos da sociedade, Pessoas com Deficiência, familiares e representantes de instituições de apoio, a exemplo do Conselho da Educação, além do coral Do-Ré-Mi, grupo de dança da Centro Ressurreição, a artista Luisa Hage e o paratleta de canoagem Luan Veloso.

O evento realizado neste mês de setembro pela Prefeitura de Simões Filho, por intermédio da Secretaria Municipal de Educação (Semed), conta com uma série de atividades em alusão à Semana Nacional de Luta da Pessoa com Deficiência. A programação inclui debates, exposições e peças de teatro.

O objetivo da Semana Nacional da PCD é abrir debates e estimular a sociedade para a reflexão sobre a importância da atuação dos familiares e da própria Pessoa com Deficiência na busca de inclusão e na defesa de direitos de igualdade que envolvem a acessibilidade e a inclusão, levando ao conhecimento do público a real necessidade dessas pessoas na área educacional, de saúde e de assistência social.

Durante o evento de abertura oficial, foram realizadas apresentação musical pela artista Luisa Hage, que encantou a todos com o seu carisma ao som do seu teclado, além de dança e peças de teatro encenadas por atores com deficiência, assistidos pelas instituições que lutam pela causa dos excepcionais.

Para o presidente da Câmara, Orlando de Amadeu (PSDB), a semana permite dar maior visibilidade às pessoas com deficiência, especialmente, no que se refere a acessibilidade e inclusão delas nas dependências no prédio do Legislativo. “Nós já vamos pensar na acessibilidade das pessoas com deficiência para todos chegarem aqui na Câmara. É um projeto antigo de todos os presidentes que passaram por esta Casa, mas não foi possível ainda fazer o elevador para facilitar esse acesso, mas estamos trabalhando para ainda este ano construir esse sonhado elevador para o acesso das pessoas com deficiência”, ressaltou o presidente.

O centro do plenário também foi ocupado pelo paratleta de canoagem Luan Veloso que falou sobre sua trajetória no esporte, de que forma superou e continua superando as barreiras para a acessibilidade e a inclusão, sobretudo, na prática da modalidade esportiva.

Demais palestrantes destacaram em suas exposições o estimulo e a superação para que pessoas com deficiência assumam o rumo das suas vidas no processo de quebra de paradigmas e de rompimento de barreiras do preconceito, mostrando que a pessoa com deficiência realiza em seu cotidiano as mais diversas tarefas, tanto no âmbito profissional, quanto no sociocultural e esportivo.

Além da programação cultural, esta edição da Semana de Luta conta ainda com atividades diversificadas, a exemplo de debates sobre políticas públicas para as pessoas com deficiência.

Programação

A agenda começou com a abertura oficial da Semana de Luta da PCD no dia 24, no plenário da Câmara de Vereadores.

Depois, seguiu com a realização de Feira Cultural “Nada sobre nós, sem nós”, no dia 25/09, às 13h30, no Centro Apoio Pedagógico a Pessoa com Deficiência (CAPPED) – Escola Ressurreição.

Em paralelo, de 25 a 30/09, sempre às 13h30, acontece no Centro de Apoio Pedagógico a Pessoa com Deficiência (CAPPED) – na Escola Ressurreição, a Exposição acervo e arte dos alunos, supervisionados pela Professora/curadora, Janice Santana Cruz.

No dia 26/09, às 08h, no Centro Social, o evento conta com um bate papo sobre surdez.

A programação termina nesta sexta-feira, dia 27/09, no Centro Social, com a palestra sob o tema “Vamos falar sobre Autismo”.

Histórico

O Dia Nacional de Luta da Pessoa com Deficiência foi instituído por iniciativa de movimentos sociais, em 1982, e oficializado pela Lei nº 11.133, de 14 de julho de 2005, com o objetivo de conscientizar sobre a importância do desenvolvimento de meios de inclusão das pessoas com deficiência na sociedade.

 

Assessoria de Comunicação da Câmara Municipal de Simões Filho (Ascom CMSF)

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Por favor, digite seu nome aqui