Niltinho é o pré-candidato oficial do PP a prefeito de Salvador

Hoje (30) o nome do vice-líder do PP na Assembleia Legislativa, deputado estadual Niltinho, foi oficializado como o pré-candidato do PP a prefeito de Salvador. O encontro estadual do Partido Progressista (PP) está ocorrendo nesta segunda-feira (30), com a presença das principais lideranças do partido no estado, como o vice-governado João Leão, o presidente da Assembleia Legislativa da Bahia (AL-BA),deputado Nelson Leal, e o secretário-geral do partido na Bahia, Jabes Ribeiro. Também participaram do evento lideranças de outros partidos, como o senador Jacques Wagner. A ação acontece no auditório da União dos Municípios da Bahia (UPB), no Centro Administrativo da Bahia (CAB).

Prefeitos e pré-candidatos a prefeitos estão se filiando hoje à legenda. No encontro, o PP em nível de Bahia fixa metas de atuação e faz análises das conjunturas da Bahia e do Brasil, com o slogan “Progressistas em Movimento”.

O PP baiano já contava em seus quadros com 56 prefeitos e mais 35 prefeitos se filiaram hoje.

“Quero agradecer imensamente a confiança de João Leão, do secretário-geral Jabes Ribeiro, do presidente da Alba, Nelson Leal, do presidente do PP em Salvador, Cacá Leão, do presidente do partido em Salvador, Joca Soares, bancada de parlamentares em nível federal e estadual e à Executiva do meu partido”, afirmou o parlamentar, que não compareceu ao evento devido a compromissos previamente agendados fora de Salvador.

O anúncio da confirmação da candidatura de Niltinho foi anunciado pelo deputado federal Cacá Leão.

Já o deputado estadual Jurandiy Oliveira frisou que “agora todo o PP Bahia vai trabalhar com coragem pela pré-candidatura do jovem Niltinho”.

Segundo o parlamentar, “nossa capital é a campeã do desemprego e meu foco maior vai ser lutar contra esta situação”. Em seu mandato, inclusive, ele tem realizado uma série de ações de fomento às Centrais de Negócios, que têm como meta fomentar o asociativismo e empreendedorismo.

Segundo a mostra de Domicílios Contínua (PNAD Contínua), divulgada pelo IBGE no dia 15 de agosto, Salvador tem a pior taxa de desocupação entre as capitais. É considerada desocupação quando a pessoa não está trabalhando e procurou trabalho. Os dados são referentes aos meses de abril, maio e junho de 2019.

Salvador, capital do estado, passou a liderar o ranking da desocupação entre as capitais do Brasil, junto com Macapá (Amapá) e Manaus (Amazonas), com taxa de 17,7% no 2º trimestre de 2019.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Por favor, digite seu nome aqui