Em reunião, vereadores deliberam sobre contas de Eduardo Alencar .

Três rodadas calorosas de reunião foram realizadas entre os vereadores, na Câmara de Simões Filho, na tarde desta quarta-feira (27/11). Na pauta das discussões estavam dois projetos de lei e a votação das contas do ex-prefeito Eduardo Alencar, no exercício financeiro de 2016.

Pelo menos 12 dos 19 vereadores participaram da reunião que foi dividida em partes. No primeiro momento, todos os presentes participaram para opinar sobre os projetos e também definiram que apenas a Comissão de Finanças se reuniria no segundo momento, para elaborar o parecer refente às contas do ex-gestor.

Por fim, os vereadores voltaram a se encontrar para, em conjunto, acertar os últimos detalhes e determinar, por vontade da maioria, a manutenção da votação das contas de Eduardo Alencar para a próxima terça-feira (03), como previsto anteriormente.

Em entrevista com o vereador Everton Paim, que hoje faz parte da base do prefeito Dinha Tolentino, ele revelou que não há motivos para adiar novamente a votação, tendo em vista que, o assunto já foi bem discutido e cada parlamentar teve tempo suficiente para decidir seu voto.

“Nós decidimos que a comissão de finanças vai deliberar e quando chegar dia 03, aprovada ou reprovada, nós teremos que votar. Na minha opinião nós teríamos que adiantar logo isso, porque nós temos muitas coisas ainda para pensar, desobstruir as pautas e na verdade, essa situação não vai interferir em nada no meu voto”, disse ele.

Everton falou ainda que não ia antecipar seu voto, mas que mesmo se continuasse o impasse sobre a data da votação, ele já tem sua posição definida e não vai voltar atrás por pressão, nem imposição de ninguém.

O vereador Elimário Lima também externou o seu descontentamento diante do impasse da mesa diretora em dar continuidade ao processo de votação. Lima disse que já havia uma decisão prévia das comissões de Finanças e Justiça, na qual ele faz parte, pela aprovação das contas, mas o relator do parecer, Genivaldo Lima, de uma hora para outra resolveu voltar atrás.

O vereador e líder de oposição Sandro Moreira comentou que as reuniões foram bastante movimentadas e que houve uma nova tentativa de manobrar o adiamento da votação, mas que pela maioria, ficou definido que as contas serão sim votadas na próxima terça, dependendo apenas do relator do parecer esclarecer algumas dúvidas.

Estiveram presentes na reunião os vereadores Arnoldo Simões, Cleiton Boly Boly, Canjirana, Elimário Lima, Everton Paim, Genivaldo Lima, Jailson Soares, Manoel Carteiro, Neco Almeida, Orlando de Amadeu, Sandro Moreira e Vel. Os edis Eri Costa, Del e Luciano Almeida também estavam na casa.

Créditos: tabuleiro Baiano.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Por favor, digite seu nome aqui