*Após declaração desrespeitosa do cantor Igor Kannário, Policia Militar emite nota de repúdio: “Atitude irresponsável e criminosa”*

A passagem do pagodeiro Igor Kannário pelo Carnaval de Salvador mais uma vez gerou polêmica. Na tarde desta segunda-feira, 24, durante a passagem de sua pipoca no Campo Grande, o artista se dirigiu de forma ofensiva a um policial militar.

“Venha me tirar daqui de cima, seu bunda mole. Se acontecer alguma coisa comigo a culpa é da Polícia Militar”, disse em cima do trio.

Após o episódio, a Polícia Militar da Bahia emitiu nota repudiando as declarações do pagodeiro. No texto, a corporação afirma que a atitude do também deputado federal foi “irresponsável e criminosa”, por incitar os foliões contra a tropa.

Leia na íntegra:

“A Polícia Militar da Bahia repudia as provocações e agressões feitas à tropa pelo Igor Kannário durante a passagem do trio na tarde desta segunda-feira, 24, no Campo Grande. Além da atitude irresponsável e criminosa o também deputado federal incitou os foliões contra os policiais militares que faziam o policiamento do circuito Osmar. É inaceitável que qualquer pessoa, ainda mais um parlamentar, tente comprometer a honra da instituição e de policiais militares que estão comprometidos e empenhados na defesa da sociedade baiana.
Todas as medidas judiciais cabíveis que o caso requer serão adotadas”.

Horas antes da confusão, em entrevista a uma TV local, o comandante da PM-BA, coronel Anselmo Brandão, chegou a elogiar a postura do cantor nos dias anteriores.

Fonte: site ebuxixo

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Por favor, digite seu nome aqui